Está concluído o levantamento do percurso da 6ª Expedição ao Montado, tendo sido realizada neste fim de semana uma última passagem para correção de pontos e verificação de caminhos.   Durante a última sexta feira passámos o dia no terreno, percorrendo na integra as estradas que iremos utilizar nos próximos dias 29 e 30, para ver o estado em que se encontram os caminhos e aferir o roadbook. 
Esta passagem revelou-se de especial importância, pois revelou a necessidade de reajustar um troço nas proximidades de Alter do Chão.  Apesar de transitável sem o menor problema, decidimos utilizar a alternativa que já tínhamos prevista, uma vez que existe gado na zona de passagem do passeio.  Também quanto ao dia de domingo decidimos fazer uma correção na fase inicial do passeio, por forma a poder tornar um pouco mais rápida a chegada até à localidade de Cunheira.
Este dia no terreno serviu também para podermos aferir os tempos de viagem. A folga que temos permitiu-nos fazer duas alterações com algum relevo no programa de sábado. Por um lado aumentámos a quilometragem do passeio, que agora está próximo dos 100 quilómetros a percorrer (isto no sábado), e em segundo lugar permitiu-nos incluir um ponto de visita que já há algum tempo gostaríamos de poder visitar, e previsivelmente conseguiremos desta vez que é a Ermida da Senhora dos Prazeres, uma capela com muito história e tradições profundamente enraizadas na cultura no norte alentejano e que está localizada numa colina próximo de Ponte de Sor.
Das correções realizadas no seu conjunto resultou que a extensão total da 6ª Expedição ao Montado está próxima dos 230 quilómetros, cruzando vários tipos de terreno no Alto Alentejo e Ribatejo nos próximos dias 29 e 30.  Significa que mesmo com a opção de arrancar depois de almoço no dia 29 na Vila de Avis, os participantes irão ter pela frente uma grande viagem, eventualmente a mais espetacular de todas as edições da "Expedição" já realizadas.
O espetacular percurso não oferece quaisquer complicações, muito embora retenha um grau de diversão bastante elevado, com zonas de condução muito interessantes, com algumas passagens de água muito simples mas que serão de certeza um ponto de curiosidade e boas imagens.
Na memória destes reconhecimentos ficou-nos a fabulosa paisagem salpicada por tons de amarelo, roxo, branco e vermelho dos milhões de flores que nesta altura do ano tornam toda a região num gigantesco jardim a céu aberto.  O passeio irá atravessar zonas particularmente belas, com destaque para um troço na manhã de domingo que passa por uma zona de grandes rochas que de certo irão merecer uma paragem para um foto bem enquadrada.
As inscrições decorrerão até quinta feira dia 27, altura em que irão ser fechadas em definitivo para que a logística do passeio possa depois começar a ser montada de acordo o número de participantes.

Aqui fica o programa completo da 6ª Expedição ao Montado:
Até dia 27 decorrerá o prazo para as inscrições

DIA 29 – Sábado – Visita ao passado

  • 14H00 – Agrupamento em Avis, com recepção no Salão Nobre da Câmara Municipal de Avis
  • 14H30 – Briefing de apresentação e segurança
  • 15H00 –Visita ao Centro Histórico de Avis. (com vários pontos de visita)
  • 16H00 – Saída de Avis rumo a Alter do Chão 
  • 16H40 - Visita ao Santuário dos Prazeres
  • 18h15 – Chegada a Alter do Chão – Visita ao Castelo de Alter do Chão
  • 18h45 – Visita á “Casa do Álamo”
  • 19h50 – Saída rumo a Alter Pedroso – Visita às ruinas do Castelo a tempo de assistir ao por do sol (20h23m) do alto da colina (momento paisagístico de grande beleza) 
  • 21h00 – Jantar em Alter do Chão – Restaurante Convento d'Alter - 4 Estrelas

DIA 30 – Domingo - O dia da grande viagem

  • 8h00 – Agrupamento (em local a definir)
  • 8h15 – Briefing de apresentação e segurança do troço
  • 8h30 – Saída de Alter do Chão
  • 9h30 – Visita à Olimel, uma exploração Apícola em “Cunheira” (Km30)
  • 10h15 – Continuação da viagem.
  • 11h15 – Visita em Ponte de Sor - Feira dos Sabores
  • 13h30 – Eco-Iniciativa - Plantação de Sobreiros
  • 14h00 – Almoço tradicional - Cozido em panela de barro em lume de chão – Erra – Km130 (aprox), com a presença de um grupo etnográfico que animará este momento.
  • 17h30 – Fim da 6ª Expedição ao Montado

EMENTAS DAS REFEIÇÕES NA 6ª EXPEDIÇÃO AO MONTADO
Jantar em Alter do Chão, na noite de dia 29 de Abril
Entrada: Couvert, Entradas Regionais 
Sopa: Creme de Coentros
Prato de Peixe: Lombo de Bacalhau à Convento com Mel e Açafrão
Prato de Carne: Arroz de Pato à Antiga
Sobremesa: a indicar posteriormente
Bebidas: Vinho Branco e Tinto, Laranjada e água
Café

Almoço em Coruche, no dia 30 de Abril
Sopa: Canja ou caldo verde
Cozido à portuguesa, confecionado de modo tradicional, em panelas de barro, em lume de chão.
Sobremesas, Fruta
Bebidas: Vinho Terra d'Alter, Sumos e águas
Café

 
Uma vez terminada a 6ª Expedição ao Montado, os participantes que desejarem permanecer por Coruche mais algumas horas, têm dois excelente motivos para o fazer.  Em primeiro lugar poderão visitar a exposição de viaturas clássicas em Coruche, e depois terminar o dia com o jantar n"Os Sabores do Toiro Bravo", uma mostra gastronómica que decorre em Coruche e onde o prato principal é carne de gado bravo.

Junte a sua família ou um grupo de amigos e venha connosco.

A 6ª Expedição ao Montado tem o apoio do Município de Avis, do Município de Alter do Chão, do Município de Ponte de Sor, do Município de Coruche, da ERT - Região de Turismo do Alentejo e Ribatejo, da Olimel, da Adega Terra d'Alter